Estrangeiros no momento
2003-09-23
 
Dia "sem carros"?
Razão tem o itálico J. Campos, do Blog de Esquerda: o dia sem carros não foi em Lisboa, com certeza. Os transportes públicos, apesar de serem de graça, não estavam mais cheios do que nos dias normais (os em que eu andei ficaram muito longe de estar cheios). Estavam duas ou três ruas cortadas ao tráfego: é a isto que chamam "dia sem carros"? Os autocarros continuavam a ter as mesmas dificuldades do costume em circular, devido a carros estacionados em segunda fila. As bichas à hora de ponta nas artérias principais eram exactamente as mesmas. O trânsito estava entupido de carros, a sua maioria só com um condutor, um português típico que buzinava enquanto pensava com os seus botões: "Estes dias sem carros são uma inutilidade. Dizem que não há carros, e estou rodeado de carros por todos os lados! Não sei para que fazem esta palhaçada."
É nestas alturas que eu penso que os portugueses são todos de direita. FM

Powered by Blogger

Nedstat Basic - Free web site statistics