Estrangeiros no momento
2003-12-04
 
Jesus Correia
Esta é uma evocação ainda mais tardia do que a do Blogue de Esquerda, de que gostámos. Só acrescentamos que este foi um ano aziago para as velhas glórias do Sporting, depois de também terem partido Vasques e Damas.
Sempre que um velho sportinguista morre, lembro-me do meu avô. Estas velhas glórias ainda viram o Sporting fazer a "dobradinha" em 2002. Travassos, pelo menos, viveu para assistir ao fim do grande jejum, em 2000. O meu avô, nem isso... O pai do treinador Augusto Inácio também não. Creio que teriam morrido mais felizes se tivessem assistido. Restará para sempre a memória destes homens que construíram o Sporting. FM


Powered by Blogger

Nedstat Basic - Free web site statistics