Estrangeiros no momento
2003-12-18
 
Remarks and disclaimers
Finalmente, para evitar ser mal entendido, convém esclarecer duas coisas. Quando classifico como "honestidade intelectual" a atitude do Pedro Mexia quanto a separar a captura da política, tal não implica que quem faça o contrário seja necessariamente desonesto. Eu faço o contrário, e não ia chamar desonesto a mim próprio. O Pedro Lomba também é honesto, até porque escreve "não questiono a legitimidade e, muito menos, a sinceridade de quem aplaude a prisão de Saddam, mantendo uma posição crítica sobre a guerra."
De igual modo, quando escrevo que "não sou hipócrita" quando afirmo que não abro o champanhe, estou a falar só por mim. Aceito perfeitamente que o Zé Mário e o Manel o abram e que sintam este assunto de uma forma diferente da minha. Eu (e só eu) sentir-me-ia hipócrita a "tomar champanhe" nestas circunstâncias. Mas as pessoas são diferentes. A vida é real e de viés.
Queria somente deixar um abraço aos poetas líricos e ao pragmático advogado (e ao "duro" lá de Paris). Quando tiver oportunidade de estar mais um bocado com vocês, até bebo champanhe. FM

Powered by Blogger

Nedstat Basic - Free web site statistics